quarta-feira, maio 14, 2008

ANEDOTA


Certo dia a Manuela Moura Guedes chega à TVI com o seu motão 1100 cc acabadinho de comprar, ena... toda a equipa rodeia a mota para admirar o maquinão.
Às 21h30, acaba o serviço e todos ficam a ver a Manuela a ir embora
naquele fenómeno com motor.
No dia seguinte, a Manuela chega a TVI a pé, com um braço ao peito, ligadura na cabeça, gesso na perna e toda partida. Os manos perguntam: - Chi... Nelita, tu estás toda partida, como é que fizeste isso, pá?
Nelita explica: - Ontem saí daqui no meu motão, meti a 1ª, fui até
aos 40, meti a 2ª, fui até aos 60, meti a 3ª, fui até aos 100, quando eu ia meter a 4ª, o lábio de cima começou a tremer com o vento e tapou-me os olhos...

2 comentários:

Anónimo disse...

acho a manuela moura guedes uma mulher detestável. nem sei como é possivel deixarem tal figura aparecer nos nossos ecrãs. claro que a sua triste personalidade e rancor que gere contra principalmente contra o nosso primeiro ministro vai acabar por si própria na vida de depressão. é um verdadeiro rancor dos nossos tempos. será isto evolucão?? não creio!!!!

Manuel disse...

Na gíria popular quando se vê alguém com tanto ódio,diz-se que tem falta de homem. Será que alguém não pode ajudar o marido? Eu sei que com aquela cara horrorosa é difícil, mas seria um dever patriótico a bem da dignidade jornalística.