segunda-feira, março 23, 2009

JOGOS ZX SPECTROM


Esta postagem é para aqueles que como eu já está na casa dos trinta e passou largas horas da sua infância a jogar Spectrum.
Lançado em Abril de 1982, no Reino Unido, por Clive Sinclair há precisamente 25 anos, a mágica caixa preta, com algumas riscas coloridas pintadas num canto, indicando a possibilidade de ver as imagens a cores, num televisor, coisa rara naquela altura, pois, os monitores eram monocromáticos e os computadores de grande dimensão.


Match Day


O sucesso comercial do Spectrum foi uma surpresa para toda a gente, inclusive para os fabricantes, das 1.000 unidades mensais, passou-se para 200.000, por mês e a empresa Sinclair viu-se em palpos de aranha, para responder a tanta procura.


Match Day 2


Na época, o Spectrum custava cerca de 40 contos (cerca de 200 Euros), uma fortuna, para muito boa gente.


Saboteur


Os jogos custavam cerca de 1.000$00 (5 Euros), mas já havia piratas naqueles tempos, que recorriam às aparelhagens, para as suas gravações. O Spectrum lia cassetes áudio, onde também podia ser gravada música e as gravações nem sempre eram bem sucedidas, porque dava erro e o computador não conseguia abrir. Os jogos demoravam minutos a fio a carregar.


Skool Daze


Baseado num processador Zilog Z80-A a 3,50 MHZ com 16 kb de rom, o Spectrum estava disponível em duas versões, uma com memória de 16 Kbytes de ram e outra com 48 Kbytes. Era possível expandir internamente o Spectrum 16 Kb para 48 Kb através da adição de 8 chips de memória e mais uns chips de controle.


Commando







Ai ai que saudades!

2 comentários:

Rotiv disse...

Ena, tantos jogos ;)
Agora, também estou a seguir este bolg ;) he he he :)
Abraços

vita disse...

isto sim e que é do tempo do tempo