quarta-feira, agosto 27, 2008

PATERNIDADE DE MADELEINE EM CAUSA


Paternidade de Madeleine volta a ser posta em causa

As análises laboratoriais não garantem que Gerry McCann seja o pai biológico de Madeleine, segundo disse um responsável do Instituto Nacional de Medicina Legal.

Gerry McCann pode não ser o pai de Madeliene, apesar de o casal ter sempre desmentido esta possibilidade, assumindo apenas que a menina tinha sido concebida por inseminação artificial.

Na altura do desaparecimento de Madeleine McCann, a 3 de Maio de 2007 do apartamento da Praia da Luz, a polícia judiciária tinha sérias dúvidas sobre a paternidade da menina, no entanto o casal McCann sempre afirmou que era filha biológica.

A dúvida da paternidade, acabou por nunca ser explorada nem tomada como relevante para a investigação do caso do desaparecimento da menina.
Um alto responsável do Instituto Nacional de Medicina Legal, confirma que «em relação aos gémeos existe total certeza de que são de Gerry. O mesmo não se pode dizer em relação a Madeliene McCann, pois os alelos encontrados não permitem determinar com exactidão quem é o verdadeiro pai biológico».

1 comentário:

bé disse...

não permite determinar com exactidao nem o pai nem o assassino...PALHAÇADA:::: tenho dito.