sábado, fevereiro 20, 2010

CASTIGOS POUCO PESADOS

Sapunaru apanha seis meses, porque foi emprestado e está na Roménia. Hulk apanha quatro meses, para poder jogar as últimas 3 jornadas, inclusivé contra o Benfica. O Futebol Português é assim, consegue-se perceber as intenções por mais escondidas que estejam.

O plantel do FC Porto reagiu, compareceram no Auditório do Dragão, ao invés da conferência de imprensa de apresentação do jogo, e garantiram união perante o castigo de quatro meses de suspensão aplicado a Hulk e seis a Sapunaru. O guarda-redes Nuno, um dos capitães, foi o porta-voz.

«Estamos indignados, revoltados com as ocorrências do futebol português. O que se está a passar recentemente magoa-nos a todos. Ao Hulk e ao Sapunaru queremos manifestar a nossa solidariedade», disse Nuno, ao lado de Bruno Alves, outro capitão, e Hulk.

«Ninguém nos vai desviar do nosso rumo, merecemos respeito. Juntos, vamos voltar a ganhar. Não há ninguém, não há injustiça nenhuma que nos façam que nos tire a união», sublinhou.

O guarda-redes referiu que a mensagem era para todo o país: «Uma mensagem para os nossos adeptos: a administração, staff técnico, jogadores e toda a gente que gosta do FC Porto -somos Porto, continuaremos a ser Porto, e vamos ganhar sempre e cada vez mais. Estamos sempre unidos.»

Isto é ridículo, agora aparecem todos com um ar de anjinhos do coro...

2 comentários:

disse...

Patética a tentativa de vitimização do FCP!
Até parece que ninguém ouviu as escutas e viu o que se passou no túnel!!

G! disse...

se fossem jogadores do Benfica era vê-los a clamar a injustiça da decisão...aliás, se fossem jogadores do SLB, tinham levado 8 ou 12 meses de suspensão...rídiculo.